sábado, fevereiro 27, 2010

A nova "face" da LUA NOVA

A Lua tem muitas faces/fases/quartos... Os Contos da LUA NOVA têm mais uma, a Sílvia que conta histórias como quem conversa entre amigos, ou conversa entre amigos como quem conta histórias.

Encontrámo-nos por acaso, nas curvas da estrada dos nossos contos pessoais e, desde aí percebemos que contamos a partir do mesmo lugar, que o fio condutor da nossa imaginação não se sobrepõe um ao outro antes, interlaça-se e cria novas narrativas sem tirar cada uma do seu percurso próprio. E, por tudo isso e muito mais, faz todo o sentido que esta nova face/fase/quarto ilumine os Contos da LUA NOVA!



"Descobri-me nas palavras, mesmo antes de saber ler. Por aqui e por ali, entre histórias, gentes, culturas e paixões, fui aprendendo a recolhê-las e a devolvê-las ao mundo, a tecê-las, a ler-me e a escrever-me nelas.


Um dia soube que podia partilha-las, para além das páginas escritas, através do corpo e da voz. Imprimi-as então no coração para que fossem ponte, espelho, asas, alimento e caminho para quem as ouvisse.


Nesse dia descobri-me como contadora."


Sílvia Romero


Até breve, um abraço da LUA!

1 comentário:

Marta Vasil disse...

Imprimidas estão no coração de quem as conta, imprimidas ficarão no coração de quem as escuta em com tinta de magia, de sonho, de voo... Esta é uma das magias de um bom contador de histórias.